De julho para agosto, comércio registrou recuo de 0,9%. Setor de veículos continua pressionando os resultados negativos do varejo.