Acordos entre lojistas e administradores de shopping centers, devem seguir favorecendo uma relativa estabilidade nas taxas de ocupação até 2017.