Ninguém sabe ao certo o que será dos próximos 12 meses, mas é bem possível que, no futuro, possamos dizer: “olha, sabe que nem foi tão ruim assim?"