A Amazon se associou a duas companhias, Atlas e Air Transport Services, para usar com exclusividade até 40 aviões nos próximos dois anos.